Desafio do Crea-SP estimula soluções para cidades

Um exercício para ampliar o olhar sobre a cidade e encontrar soluções criativas para resolver problemas do cotidiano. Com esse ponto de partida, os jovens profissionais, recém-formados e estudantes, que acompanharam o  XIII Encontro Crea-SP Jovem, de forma presencial ou online, foram convidados a participar de um concurso de inovação aberta para criar projetos que ajudem no desenvolvimento dos municípios paulistas em cidades inteligentes. As inscrições estão abertas até o dia 30 de novembro.

O presidente do Crea-SP, Eng. Vinicius Marchese, destaca que o desafio “De olho nas cidades” é uma forma de incentivar que os participantes exercitem não só a criatividade, mas a criticidade. “A provocação que queremos fazer é para que possam enxergar um universo de possibilidades que poucas pessoas olham e utilizar o conhecimento técnico para desenvolver soluções tecnológicas, que sejam aplicáveis às suas realidades. Afinal, quem convive com os problemas em seu cotidiano tem o potencial de encontrar respostas efetivas”, observa.

O lançamento da iniciativa aconteceu na 13ª edição do evento, que é organizado pela Comissão Crea-SP Jovem, responsável por aproximar o Conselho desse público. Para se inscrever, além de ter participado do encontro, é preciso ser estudante regularmente matriculado em instituições de ensino tecnólogo e/ou graduação, ou formado nas profissões do Sistema Confea/Crea.

“Esse desafio mostra como a Engenharia pode ser uma ferramenta de solução e cumpre um outro papel importante, que é a mobilização dos estudantes para assumir o protagonismo no desenvolvimento urbano”, avalia Marchese.

As propostas de soluções inovadoras para as problemáticas urbanas devem estar amparadas em três eixos temáticos:

  • Mobilidade e Transporte Urbano
  • Edificação, Energia e Iluminação Pública
  • Serviços Públicos, Meio Ambiente, Gestão de Resíduos Sólidos e Saneamento

Realizado com parceria da Acciona, empresa global de gestão de infraestruturas e energias renováveis, o edital também prevê premiação para a equipe que obtiver a melhor pontuação: são três notebooks e um curso de capacitação. O resultado será divulgado no dia 15 de dezembro, no Summit, principal evento de tecnologia e inovação da área tecnológica, que neste ano acontece no Museu de Arte de São Paulo (MASP).

Confira o edital na íntegra aqui.

Fonte: Crea-SP

Notícias Relacionadas

Deixar uma resposta