Engenheiro civil: quanto ganha um profissional no Brasil

O engenheiro civil desempenha um papel crucial na sociedade, impactando a qualidade de vida de toda a população. Também é este profissional muito importante na preservação do meio ambiente, garantindo com que os projetos sejam sustentáveis e tenham menor impacto possível sobre a natureza, considerando questões como eficiência energética, hidrologia, uso de materiais, gestão de resíduos, e etc.

Os engenheiros civis são os profissionais responsáveis por projetos, construção e manutenção de estruturas como de edifícios, hospitais, escolas, estradas, sistemas de abastecimento de água, sistemas de transporte e mais. Lembrando que essas obras são essenciais para a mobilidade urbana, o desenvolvimento econômico e a segurança da população. Importante ressaltar que o engenheiro civil, no seu dia a dia, trabalha em parceria com muitos outros profissionais, como arquitetos e empreiteiros. E, juntos, este time projeta visando construir obras mais seguras, eficientes e sustentáveis.

O engenheiro civil pode seguir sua carreira solo, em empresa própria, ou em empresas de terceiros e no setor público. Claro que ele só poderá trabalhar com sua habilitação em empresas de construção, além de departamentos relacionados em órgãos governamentais, empresas de consultoria e instituições de ensino. Todavia, esses bacharéis podem se especializar em outras áreas do seu interesse.

Sendo assim, os engenheiros civis têm hoje grandes oportunidades no mercado de trabalho. O setor está aquecido e tem ótimas perspectivas de demanda, mediante a crescente urbanização, que depende da construção de obras de infraestrutura – sobretudo mais sustentáveis. Mas para enfrentar os desafios que vem com as responsabilidades assumidas, o profissional precisa se preparar, buscando sempre a atualização.

Especializações disponíveis em engenharia civil

A engenharia civil abrange uma ampla gama de disciplinas e, como resultado, existem várias especializações disponíveis para os engenheiros civis. Alguns exemplos de especializações incluem:

  • Estruturas: focada no projeto e análise de estruturas, como edifícios, pontes e torres.
  • Geotecnia: concentra-se no comportamento do solo e na estabilidade de estruturas em terrenos complexos.
  • Transporte: envolve o planejamento, projeto e operação de sistemas de transporte, como estradas, ferrovias e aeroportos.
  • Recursos hídricos: abrange o gerenciamento de recursos hídricos, incluindo irrigação, saneamento, drenagem e controle de enchentes.

Potencial salarial para engenheiros civis

Antes de tudo, precisamos destacar que nem todos os engenheiros no mercado de trabalho ganham o mesmo salário. Isso pode mudar com relação, por exemplo, ao nível de experiência do profissional. Ademais, localização geográfica e especialização. No geral, a Engenharia Civil costuma ser bem remunerada. O site Salario.com.br estima, com base em suas pesquisas, que o salário médio de um engenheiro civil com CLT no Brasil em 2024 seja de R$8.267,82, com o teto chegando a R$17.096,58. Já o site Vagas estima que, para um engenheiro civil especialista, o salário médio em 2024 seja de R$12.162,00.

Agora, outros sites de vagas na Internet, como o Glassdoor, apontam que há a possibilidade de que o salário médio de um engenheiro civil sênior no Brasil ultrapasse o valor de R$26.500, podendo chegar a R$40.000. Essas estimativas têm como base salários de profissionais com cargos em diferentes localidades no país.

Fonte: portal Engenharia360
www.engenharia360.com

 

Notícias Relacionadas

Deixar uma resposta