Facens: vestibular para curso de medicina inscreve até quarta-feira (13)

A formação de médicos cidadãos críticos, éticos, empreendedores, com capacidade de intervenção social para promoção e manutenção da saúde em sua integralidade, características pautadas pelo respeito humano e pela utilização de práticas científicas. Este é o propósito do curso de Medicina do Centro Universitário Facens, referência nacional em metodologias inovadoras de educação nas áreas de engenharia, tecnologia, arquitetura e saúde. As incrições para a primeira turma do curso prosseguem até às 23h59 da quarta-feira (13).

Estão disponíveis 60 vagas e as aulas terão início em abril, ainda no primeiro semestre de 2024, no Smart Campus localizado em Sorocaba (SP). A prova será realizada presencialmente na tarde de 17 de março e os interessados também podem utilizar a nota do Enem para realizar o processo seletivo. Com 47 anos de história, a Instituição é reconhecida nacional e internacionalmente pelos cursos oferecidos nas áreas de exatas e saúde. É nota máxima (5) no Ministério da Educação (MEC) nos cursos de Engenharia, Tecnologia e Saúde, acumula 43 estrelas no Guia da Faculdade (Quero Educação/Estadão), prezando pela qualidade do ensino, desenvolvimento e uso de tecnologias de ponta e inovação em seus laboratórios. Além de ser um Smart Campus com 100 mil m² de área e contar com mais de quatro mil alunos de graduação, 600 estudantes de pós-graduação e mais de oito mil profissionais já formados.

Centro Universitário Facens abre inscrições de vestibular para curso de Medicina que visa revolucionar o futuro da profissão - Divulgação

Centro Universitário Facens: curso de medicina oferece o que há de mais avançado

De acordo com a Pró-Reitora de Ciências da Saúde, Patrícia Klahr, o novo curso já era esperado e atende uma crescente demanda por profissionais capazes de utilizarem as mais modernas práticas a seu favor e que possam se dedicar a atender o paciente de forma humanizada, com um olhar integral para suas necessidades de saúde, primando pela promoção da saúde e qualidade de vida e prevenção de doenças. “Construímos uma proposta inovadora, focada no futuro da saúde, e trazemos diferenciais para oferecer aos estudantes experiências e imersões completas, além de desenvolver habilidades ‘soft skills’ não abrimos mão de desenvolver fortemente as ‘hard skills’, aliando recursos tecnológicos e conceitos de humanização em todos os contextos. Desta forma, teremos profissionais preparados para oferecer um tratamento eficaz, humano e seguro”, destaca.

O Centro Universitário Facens promove práticas que visam desenvolver cidadãos conscientes, por meio de atividades extracurriculares que fomentam pesquisas, extensão, inovações, bem-estar de alunos e colaboradores e impacto social. É também o 1º Campus 5G do Estado de São Paulo, está entre as top 10 universidades brasileiras e é a 2ª entre as privadas, no ranking internacional de sustentabilidade UI Green Metrics, além de ser signatário do Pacto Global da ONU ranking internacional anual do desempenho de sustentabilidade de instituições de ensino, um exemplo de comprometimento com a qualidade educacional e o desenvolvimento da sociedade.

One Health

Assim como outros cursos da área de saúde, a Medicina Facens seguirá o conceito “One Health”, que reconhece a interdependência entre a saúde humana, animal e ambiental. Essa abordagem holística será aplicada para permitir que os alunos compreendam as diversas causas e consequências das doenças, promovendo uma visão mais ampla da saúde e do bem-estar, com foco na qualidade de vida. Ainda segundo a Pró-Reitora, serão utilizadas as metodologias TBL (Team Based Learning, ou seja, a Aprendizagem Baseada em Equipes) e simulação clínica, essenciais para o desenvolvimento de profissionais completamente preparados para os desafios do século XXI. “Essa abordagem garante uma formação médica de qualidade, focada nas necessidades de saúde da população e em sintonia com as Diretrizes Curriculares Nacionais para o curso de Graduação em Medicina e os preceitos do SUS, assim como habilita o futuro profissional a atuar colaborativamente em equipe”, explica.

Além disso, por meio do Laboratório de Colaboração Socioemocional (Enlace), a Instituição oferece a todos os estudantes um programa inovador que visa o bem-estar, o florescimento e a saúde mental. Com uma abordagem de ensino de autoinstrução, o programa promove a construção conjunta do conhecimento, com apoio dos docentes. Uma das principais iniciativas do laboratório é o “Metrô”, um sistema gamificado que permite aos estudantes se autoavaliarem e acompanharem seu desempenho durante toda a graduação. “O desenvolvimento de competências socioemocionais e florescimento humano são diferenciais que permearão toda a jornada acadêmica, tornando o ambiente favorável ao aprendizado e garantindo que estejam preparados para a vida profissional”, conclui. Para mais informações sobre o curso de Medicina do Centro Universitário Facens, acesse o site.

Fonte: Jornal Cruzeiro do Sul

Notícias Relacionadas

Deixar uma resposta